As doenças respiratórias mais comuns na infância

  1. Pneumonia: Pode ser viral ou badoença respiratóriacteriana. Considerada uma doença grave que pode levar à morte se não for tratada. Geralmente apresenta febre, dor abdominal, dificuldade respiratória, palidez, falta de apetite e prostração.
  2. Amigdalites: São as infecções de garganta. Causa dor, febre, inchaço das amígdalas, mau hálito e falta de apetite.
  3. Otite: Dor de ouvido
  4. Sinusite: Apresenta dor na face, catarro amarelado, tosse noturna e raramente nas crianças dor de cabeça.
  5. Asma: Doença que provoca dificuldades respiratórias. Sua crise é considerada grave e deve ter atendimento emergencial. Os sintomas são: tosse, chiado no peito, dificuldade de respirar, lacrimejamento, dor no peito.

As doenças respiratórias são em sua maioria evitadas da mesma forma: Cuidados com o ambiente. Ambiente limpo, livre de poeira, animais de pelúcia, cortinas, tapetes, cômodos bem arejados e sem fumaça de cigarro. O cigarro é um dos principais agentes irritantes do sistema respiratório. Evite contatos com pessoas gripadas e exponha a roupa de cama e colchões ao sol. Boa alimentação, sono adequado e boa hidratação são fundamentais.

Algumas das doenças acima podem ter origem bacteriana e necessitar de antibióticos. Só o médico pode determinar se haverá necessidade de medicamentos ou não, se são viróticas ou bacterianas. Tenha sempre contato com o pediatra de seu filho para tirar dúvidas.