Retração ou recessão gengival é o que acontece quando o tecido da gengiva abaixa em relação ao dente, deixando parte raiz dentária exposta. Isso pode ser causado por diversos hábitos, e o tratamento ideal geralmente depende da causa do problema.

A seguir estão listadas algumas das causas mais comuns de retração de gengiva:

  • Força demasiada na escovação ou no uso de fio dental. É ótimo ter entusiasmo com o cuidado da boca, mas de acordo com um artigo da Revista de Periodontia, você deve se certificar de estar escovando, e não esfregando os dentes! Nunca use uma escova de dentes que não seja rotulada como “macia.” Seja gentil com seus dentes, e lembre-se que cuidar deles não deve ser algo doloroso.
  • Genética. As características de sua gengiva também são determinadas pela genética, assim como o resto do seu corpo. Portanto, se um ou ambos os pais têm retração de gengiva, você possui maior risco de desenvolver a condição.
  • Posicionamento anormal de algum dente. A falta de alinhamento dos dentes pode causar recessão gengival.
  • Ranger de dentes ou bruxismo. Você costuma acordar com dor de cabeça? Seu cônjuge ou parceiro se queixa de você ranger os dentes? Este hábito pode ser a causa de muitos outros males dentais além da retração gengival, desta forma, informe seu dentista imediatamente se você desconfia que está rangendo seus dentes. O bruxismo pode ser tratado de forma fácil e indolor com o uso de uma placa, dentre outras opções.
  • Trauma no tecido da gengiva. O tecido da gengiva pode recuar quando sofre um ferimento traumático em um dente ou dentes.
  • Saúde bucal ruim. Caso seus hábitos bucais sejam questionáveis, a recessão gengival pode ser resultado de periodontite.

Não se preocupe. Não importa a causa da retração de gengiva, existe tratamento.

Dúvidas sobre o tratamento, entre em contato conosco.

Avalie este post