A cólica menstrual, mais conhecida como dismenorréia, afeta até 60-70% das mulheres em idade reprodutiva, com impacto importante na qualidade de vida. Novas evidências mostram que métodos não farmacológicos para o controle da dor tem sido tão eficazes quanto os remédios tradicionais. Dentre os mais eficazes estão: termoterapia (escalda-pés ou bolsa de água quente) massagem, acupuntura e medicação fitoterápica. Que tal tentar fazer diferente no seu próximo ciclo menstrual?

Avalie este post